Costurando Sonhos Brasil doará 20 mil lenços para mulheres com câncer

 Costurando Sonhos Brasil doará 20 mil lenços para mulheres com câncer

Entrega de lenços realizada no Hospital São Camilo, em junho deste ano – crédito imagem: Luís Maike/Agência Cria Brasil

Campanha visa arrecadar recursos para confecção de lenços que serão entregues em hospitais do país atendidos pelo SUS

Com um olhar solidário e como forma de apoiar mulheres que estão passando pelo processo de tratamento delicado do câncer, o Costurando Sonhos Brasil lança, neste ano, a segunda edição da Campanha “Para Além do Outubro Rosa”. A marca iniciou na quarta-feira (10) passada, a campanha de arrecadação com o objetivo levantar recursos para a confecção dos lenços que serão doados, no mês de outubro, para mulheres que estão em processo de tratamento oncológico. Ao todo serão produzidos 20 mil lenços, que serão entregues em hospitais da rede do Sistema Único de Saúde (SUS), em parceria com o G10 Favelas e a Associação das Mulheres de Paraisópolis (AMP)

Na edição anterior, o Costurando Sonhos Brasil, em parceria da Novartis, realizou a doação de 5 mil lenços. Em 2022, o objetivo é ultrapassar essa meta e distribuir três vezes mais para que mais mulheres possam receber o lenço como uma forma de apoio e estímulo para o cuidado pessoal durante o tratamento. A iniciativa pretende arrecadar recursos para a confecção dos lenços que serão entregues em hospitais de nove estados do país onde o G10 Favelas atua: Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Paraíba, Maranhão, Pará e no Distrito Federal. 

No Brasil, assim como no mundo, o número de mortes causadas por câncer de mama e de colo de útero incide de igual maneira entre todas as mulheres, apesar de a idade ser um fator de risco, pelo acúmulo de exposições ao longo da vida e pelas alterações biológicas produzidas com a longevidade. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), para o ano de 2022, são estimados 66.280 novos casos de câncer de mama, o mais incidente em mulheres, e 16.710 novos casos de câncer do colo do útero, o quarto tipo de câncer mais comum entre as mulheres. 

“Sabemos que o lenço é considerado um símbolo do empoderamento feminino durante todo o período de tratamento. Pensando nisso, queremos apoiar mulheres que estão passando por esse momento tão difícil e delicado e engajá-las na campanha. E ao mesmo tempo, estaremos contribuindo com o trabalho para as costureiras que produzirão os lenços. E neste ano, queremos ultrapassar a meta anterior e entregar 20 mil lenços para que mais mulheres que se encontram em processo oncológico possam receber essa demonstração de apoio e acalento que é tão importante para elas”, afirma Suéli Feio, uma das fundadoras da Costurando Sonhos Brasil. 

A estampa do lenço foi desenvolvida pela designer Rachel Hoshino. O desenho é composto por flores, para honrar a força da mulher; estrelas, para premiar a luta contra o câncer; e pavões, para falar da beleza de cada uma. A combinação das cores foi pensada de modo especial: o rosa representa o amor, o vinho, o feminino e o laranja, o calor. 

De acordo com Gilson Rodrigues, presidente do G10 Favelas, a instituição tem apoiado mulheres desde o início de sua formação. A maioria das iniciativas que integram o bloco de líderes é voltada para o fortalecimento e empoderamento feminino por meio de capacitação, independência financeira e saúde da mulher. “Muitos dos projetos que fazem parte do G10 Favelas são liderados por mulheres. Temos um papel importante nessa causa, que é apoiar e conscientizar a população sobre os cuidados preventivos contra o câncer com ações e campanhas. Este é o segundo ano consecutivo que promovemos a campanha para ‘Além do Outubro Rosa’ porque sabemos da importância dessa ação para as mulheres em situação de vulnerabilidade social, sobretudo das que estão em tratamento de câncer”, afirma Gilson.  

O Costurando Sonhos Brasil tem como propósito apoiar mulheres, independentemente de qualquer circunstância. Pensando nisso, com o apoio de parceiros como o G10 Favelas, a Associação das Mulheres de Paraisópolis (AMP) e a designer Rachel Hoshino, a iniciativa tem se juntado, anualmente, à campanha Outubro Rosa, que visa incentivar, no mês-título, a prevenção e o diagnóstico precoce, que nem sempre é acessível, tanto do câncer de mama quanto do câncer de colo de útero para realizar a ação. E conta com a contribuição de todos aqueles que queiram somar forças, empresas e pessoas físicas, na luta contra o câncer. Para contribuir com a campanha, basta fazer uma doação para o Instituto Costurando Sonhos Brasil, pelo PIX: 44.540.121/0001-00.  

Digiqole Ad

Relacionados