Projeto destinado a coletivos culturais da periferia, promove conhecimento sobre dados; Inscrições abertas até 28/10

 Projeto destinado a coletivos culturais da periferia, promove conhecimento sobre dados; Inscrições abertas até 28/10

Crédito: Canva

Além de formação, os coletivos selecionados receberão um investimento de R$ 3 mil 

O projeto “Cidadãos de Dados da Periferia” está com inscrições abertas até 28/10, para coletivos culturais que atuem nas periferias administradas pelas subprefeituras do Campo Limpo, M’Boi Mirim e Capela do Socorro. O objetivo da iniciativa é oferecer conhecimento para que os participantes consigam coletar, analisar, utilizar, compreender e armazenar dados para mensurar os impactos positivos causados por alguma ação, venda ou campanha digital.  

Os coletivos selecionados vão participar de encontros semanais de mentorias com especialistas e também terão acesso a conteúdos gravados em uma plataforma digital. Além disso, receberão um investimento de R$ 3 mil para continuarem investindo na qualificação do grupo. 

O projeto “Cidadãos de Dados da Periferia” é uma co-realização entre duas organizações: A Banca e o Social Good Brasil (SGB). As organizações acreditam que discutir a aplicação de dados em coletivos culturais de quebrada, é fomentar a educação em dados com coletivos que vem fazendo a diferença. A missão é desmistificar a ideia de que aprender sobre dados é apenas para quem é da tecnologia ou para cientistas de dados. 

As inscrições vão até dia 28/10 e as vagas são limitadas. Acesse o site para mais informações: https://socialgoodbrasil.rds.land/cdd-da-periferia

Digiqole Ad

Relacionados

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *